Ouça agora na Rádio

N Notícia

Divulgação / Agência Espacial Brasileira

FOTO: Divulgação / Agência Espacial Brasileira

Parte de plano lunar, satélite brasileiro será lançado de base dos EUA (VÍDEO)

Um nanosatélite de baixo custo desenvolvido no Brasil deverá ser lançado nos próximos dias de uma base na Califórnia, nos Estados Unidos, no que deverá representar um passo a mais nos planos do país em levar um satélite à Lua.

Informações compartilhadas Sputnik Brasil

Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo desta segunda-feira, o Itasat-1 – desenvolvido pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e base tecnológica para a missão lunar Garatéa-L – será levado a bordo de um foguete Falcon 9, da SpaceX.

Do tamanho de uma caixa de sapato, o nanosatélite brasileiro levará consigo outros instrumentos desenvolvidos pelo Brasil, como um transponder de coleta de dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e um receptor GPS criado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) em parceria com o Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE).

O foguete Falcon 9, da SpaceX, levará um total de 64 satélites de 17 países ao espaço, a uma órbita de 600 km de altitude ao redor da Terra. De acordo com a Folha, 3 de cada 4 satélites embarcados são de origem privada, não-governamental, e entre os participantes do lançamento há desde a poderosa NASA até um grupo de estudantes de ensino médio.

A decolagem do Falcon 9 deveria ocorrer nesta segunda-feira, na Base Vandenberg da Força Aérea dos EUA, na Califórnia, mas acabou adiada. A expectativa é de que o lançamento ocorra nos próximos dias.

FONTE: Sputnik Brasil
Link Notícia